="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js">
 
Buscar
  • Ivan Kleber

Sargento da Polícia Militar do DF é morto a tiros em Novo Gama

Sargento da Polícia Militar do DF é morto a tiros em Novo Gama

Edvaldo Alves Pereira, de 40 anos, foi baleado no rosto e no tórax. Polícia acredita que disparos foram à queima roupa.

Um sargento da reserva da Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) foi morto, na noite dessa sexta-feira (21), no Novo Gama, na região do Entorno. Edvaldo Alves Pereira, de 40 anos, foi alvo de tiros no bairro Residencial Alvorada.


Segundo informações da Polícia Militar de Goiás (PMGO), Edvaldo estava em sua chácara e resolveu sair sozinho para voltar para Brasília. Ele parou em um mercado para lanchar, quando duas pessoas desceram de um outro veículo e dispararam seis tiros contra o PM, que morreu dentro do próprio carro.

De acordo com a perícia, o sargento foi baleado no rosto e no tórax. Por não haver marcas de tiros na lataria do carro, a polícia acredita que os disparos foram à queima roupa.

Foi feito um patrulhamento próximo ao local do crime, para verificar possíveis sistemas de monitoramento nas proximidades. No entanto, somente o supermercado possuía câmeras de segurança, que o gerente do estabelecimento informou que não estavam funcionando.

A PMGO, que investiga o caso, ainda não tem informações sobre a motivação do crime.

PMDF lamenta


Em nota, a PMDF disse lamentar o falecimento de Edvaldo Alves Pereira, e se solidarizar com a família e amigos do sargento. Veja abaixo:

"A Polícia Militar lamenta o falecimento do primeiro-sargento da reserva remunerada Edvaldo Alves Pereira, ocorrido nesta sexta-feira (21). A corporação se solidariza com a família e amigos do policial.

O sargento morreu após ser atingido por vários tiros no Novo Gama. Com o apoio da polícia goiana, a Polícia Militar fez buscas na região, mas não encontrou os responsáveis pelo crime."

157 visualizações0 comentário