="//pagead2.googlesyndication.com/pagead/js/adsbygoogle.js">
 
Buscar
  • Ivan Kleber

PROCON GOIÁS FISCALIZA DROGARIAS PARA VERIFICAR SUPOSTO AUMENTO DE MEDICAMENTOS PARA COVID-19

PROCON GOIÁS FISCALIZA DROGARIAS PARA VERIFICAR SUPOSTO AUMENTO DE MEDICAMENTOS UTILIZADOS NO TRATAMENTO DA COVID-19



O Procon Goiás fiscalizou, na manhã desta quarta-feira (08), quatro drogarias na região central de Goiânia (Setores Oeste e Aeroporto) para apurar a eventual prática abusiva nos preços de medicamentos utilizados no tratamento da Covid-19, o chamado kit Covid.


Segundo relatos de notícias veiculadas na imprensa, a procura de medicamentos como hidroxicloroquina, azitromicina, ivermectina e a vitamina C + Zinco tem aumentado durante a pandemia, levando até o desabastecimento em alguns casos.


Durante a visita nos estabelecimentos, os fiscais irão solicitar as notas fiscais de compra (distribuidoras de medicamentos) e venda (ao consumidor final) de janeiro até julho para que seja realizado o cruzamento da documentação e comparação de preços. Os estabelecimentos têm prazo de 10 dias para apresentar a documentação. Desta forma, será possível apurar a margem de lucro no comércio para saber se há alguma irregularidade.


Considerações


Vale destacar que o Procon Goiás repudia a prática de automedicação e o uso de medicamentos para a suposta prevenção e tratamento da Covid-19 que ainda não tenham comprovação científica.


Fiscalização


A fiscalização se estenderá nos próximos dias, com diligências em distribuidoras e fabricantes de remédios.

108 visualizações0 comentário